28 de fevereiro de 2011 77. Cafetería del Museo [ poema de Ángela Gavilán ]

Lendo esse poema no domingo não teve como não ilustrar.

Para quem não entende muito bem o espanhol, segue uma tradução humilde (zero profissional do poema) para que vocês possam apreciar:

Cafeteria do Museu

Entre o enredo de

os quadros, as mãos, as instalações,

os abraços, a fotografía, o beijo…

descemos à cafeteria.

Entre o enredo de

as xícaras, os olhos, as colheres, os dedos,

a cumplicidade, o açúcar…

compartilhamos:

seu desenho

na primeira página de uma viagem

meu poema

no espaço de uma maça.

publicado por clara 14:38 6 Comentários
24 de fevereiro de 2011 76. bruce willis fellings

publicado por clara 19:47 1 Comentário
23 de fevereiro de 2011 75. DIE HAaaaaaaaaaRD!!!

publicado por clara 17:34 Sem comentários
74. Boletim extraordinário

publicado por clara 14:47 1 Comentário
21 de fevereiro de 2011 73. Como todo bom domingo…

publicado por clara 16:52 1 Comentário
18 de fevereiro de 2011 72. Boas vindas

publicado por clara 13:24 1 Comentário
71. O Hiperbólico

publicado por clara 13:18 3 Comentários
17 de fevereiro de 2011 70. Porque as coelhas são tão difíceis

publicado por clara 12:40 3 Comentários
16 de fevereiro de 2011 69.

publicado por clara 13:20 2 Comentários
15 de fevereiro de 2011 68. Nem toda coelha quer ser melão

publicado por clara 12:20 4 Comentários